23 de jan de 2012

Resumo da primeira rodada do Catarinense 2012

Começou o Campeonato Catarinense de 2012. Nas primeiras cinco partidas, nenhum empate. Foram marcados 15 gols, média de três por partida. Nos jogos de sábado, os times da casa se deram bem. Na baixada, o Atlético de Ibirama venceu o Criciúma por 4 a 3. No Orlando Scarpelli, o Figueirense atropelou o Marcílio Dias, e começou o campeonato com uma goleada de 5 a 0.

Nas três partidas de domingo, o resultado foi o 1 a 0. A Chapecoense fez o dever de casa e venceu o Avaí na Arena Condá. Jogando no Sesi, o Metropolitano perdeu o clássico para o Brusque no dia de seu aniversário de dez anos. Já o Joinville foi surpreendido dentro de casa e perdeu para o estreante Camboriú.

Atlético de Ibirama 4 x 3 Criciúma
Foto: Jandyr Nascimento
No primeiro jogo do campeonato, o Atlético de Ibirama recebeu o Criciúma na Baixada e fez valer o mando de campo. O time do Alto Vale saiu na frente logo aos 13 minutos da primeira etapa, com um gol do meio-campo Maicon, que voltou a marcar aos 40 minutos.

Com a derrota parcial por 2 a 0, Márcio Goiano mexeu no time do Criciúma. Entraram em campo Itaqui e Marcel, para as saídas de João Vitor e Lucca. O clube do sul estado ganhou força na partida, e dominou o início do segundo tempo. Aos 14 minutos Anderson Costa descontou para o Criciúma, 2 a 1.

15 minutos de jogo, quatro gols
 
Em dois contra-ataques, aos 32 e aos 35 minutos do segundo tempo, Jajá e Jefferson ampliaram o placar para o Atlético. Pouco depois, o Criciúma acordou para o jogo e descontou duas vezes, com Anderson Costa e Valdo. A reação veio tarde demais e a partida terminou com o placar de 4 a 3 para o time da casa.

Figueirense 5 x 0 Marcílio Dias
Foto: Edu Cavalcanti
O Figueira mostrou sua força na estréia do campeonato. Recebendo o Marcílio Dias no Orlando Scarpelli, o Alvinegro não deu chances para o time de Itajaí, aplicando uma goleada de 5 a 0. Com destaque para a força ofensiva e a bela atuação do estreante Luiz Fernando, o Furacão do Estreito deu esperanças de uma ótima campanha para sua torcida.

O primeiro gol da partida foi marcado por Ygor, aos 17 minutos do primeiro tempo. Após cobrança de falta de Luiz Fernando, o volante subiu mais do que todos os outros e marcou de cabeça. Aos 27 minutos veio o segundo gol do Figueirense, com Aloisio, mais um gol de cabeça. Aos 33, Aloisio fez ótima jogada e tocou para o chute de Julio  Cesar. Indefensável, 3 a 0 para o Figueira.

No segundo tempo o ritmo foi mais lento. Aos 11 minutos, Aloisio marcou seu segundo gol na partida, após jogada de Hélder. Aos 35, o Figueira fechou a conta. Em mais uma boa jogada de Aloisio, Luiz Fernando fez o quinto gol da partida e o seu primeiro com a camisa do Figueirense. Goleada e festa no Orlando Scarpelli.

Chapecoense 1 x 0 Avaí
Foto: Sirli Freitas
A partida foi equilibrada na Arena Condá, com vantagem para o Avaí no primeiro tempo e pressão da Chapecoense na segunda etapa. O time da casa foi mais efetivo e saiu com a vitória. O único gol do jogo foi marcado aos 25 minutos do segundo tempo. Após cobrança de escanteio de Gilberto Matuto, Fabiano, de cabeça, fez o único gol da partida.

Na próxima rodada, a Chapecoense enfrenta o Brusque no Augusto Bauer. A partida acontece às 20h30, na quarta-feira. No mesmo dia, às 22h, o Avaí recebe o Criciúma na Ressacada.

Metropolitano 0 x 1 Brusque
Foto: Jandyr Nascimento
No dia do seu aniversário de dez anos, o Metropolitano deu um presente de grego para sua torcida, e perdeu dentro de casa para seu maior rival, o Brusque. O gol do jogo foi marcado por Thiago Maestri, aos 42 minutos do segundo tempo. O jogador do Tricolor armou o contra-ataque e deu números finais à partida.

A próxima partida do Metropolitano é na quarta-feira às 20h30, enfrentando o Camboriú fora de casa. O Brusque, no mesmo dia e horário, recebe a Chapecoense no Augusto Bauer.

Joinville 0 x 1 Camboriú
Foto: Salmo Duarte
O favorito JEC foi surpreendido pelo Camboriú dentro de casa. Jogando na Arena, o Tricolor não conseguiu se impor sobre o estreante, e, com um gol de Peixoto aos 32 minutos do primeiro tempo, foi derrotado. Apesar de ter tomado conta das ações no segundo tempo, o Joinville não demonstrou um bom futebol, desperdiçando as chances de marcar.

Na próxima rodada, o Camboriú recebe o Metropolitano no Roberto Gomes Garcia às 20h30 de quarta-feira, e o JEC vai para Itajaí enfrentar o Marcílio Dias no Gigantão das Avenidas quinta-feira às 21h30.

Um comentário: